Postagem em destaque

O Projeto Valença Troca Livros Precisa de Ajuda

Ajude no Apoia.se: https://apoia.se/valencatrocalivros O Projeto Valença Troca Livros precisa de ajuda. Victor S. Gomez - Escritor, Ato...

07 fevereiro 2019

Victor e as Baratas

Nem ler o livro "A Metamorfose" de Kafka, ou ver o filme "Joe e as baratas", aliviou um pouco o pavor que eu sinto por elas. Acho que é um trauma de criança, quando uma barata subiu na minha perna quando eu estava na escola, aquela sensação fria, como se fosse uma gota de água escorrendo pela minha perna eu jamais esquecerei. No prédio em que eu morei, no subúrbio do Rio, existiam baratas de todos os tipos. Penso que elas tomarão conta do mundo depois que nós nos extinguirmos. Há muito tempo li que nem a radiação as mata. Hoje percebo como está difícil matá-las, há tempos atras não era tão difícil assim. Hoje percebo que elas correm mais do que quando eu era criança. E para conseguir que elas realmente morram, porque algumas até fingem que morrem, é preciso que se arranquem suas cabeças. Serão elas os novos Hillanders? É o mundo mudou. Não sei se como no livro de Kafka, nós nos transformaremos em baratas, alguns políticos já estão bem parecidos com elas, são horrendos, asquerosos e me dão nojo, alguns Youtubers também estão indo pelo mesmo caminho, dizendo que Stalin ganhou dois Prêmios Nobel da Paz, mas acho que as baratas não são tão burras assim. Alguns anos atras tentei vencer meu medo de baratas, pegando-as pelos bigodes, até consegui, mas não me arrisco fazer isso agora. O mundo está mudando, evoluindo, as especies evoluem, e porque não as baratas. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caso tenha gostado do que encontrou aqui, comente o artigo que acabou de ler.

Passo a passo de como criar uma ONG