Pesquisar este blog

19 fevereiro 2011

Conservatória -RJ

Falando de Arte, Cinema, Música, Poesia, etc, me deu vontade de ir à Conservatória. Mas como estou trabalhando, quem sabe no próximo final de semana eu dou um pulinho lá.

E por quê você também não aparece por lá? Que tal apreciar o casario, a paisagem, ouvir boa música e passar na "Cheiro de Fulô", para sentir os aromas da terra.

Te espero naquele pequeno paraíso encravado nas montanhas de Valença.

Você vai? Eu vou!



A igreja matriz,
O banco da praça,
Nos sonhos as lembranças
de um amor infinito.

Quantas despedidas,
Quantos amores deixados para trás,
Só um amor posso levar comigo.
O grande amor que tenho por ti,
Conservatória.

Lá vai a Maria fumaça,
Nas janelas imagens que passam,
Mas ficam gravadas na mente
e nos corações.

Conservatória, pedaço do céu,
Vou embora levando comigo
O som dos teus violões
E a luz do teu luar.

Victor S. Gomez



Passo a passo de como criar uma ONG