As melhores peças para seu carro podem ser encontradas aqui

Http://www.Motordoctor.PT

03 abril 2017

Um Poema Emocional de Victor S. Gomez

Mais um poema emocional de Victor S. Gomez

Victor S. Gomez é Escritor, Ator e Educador social.

Memoria Beat - Poema do absurdo
Victor S. Gomez
Conheci Allen Ginsberg quando distribuía flores naquela cidade,
de prédios tão grandes que se perdiam de vista,
alguns não acreditam,
mas eu estive lá.
Ele parou, me olhou nos olhos e disse:
E aí garoto o que está fazendo por esses lados?
Precisa de algo?
Em que posso ajudá-lo?
Que tal irmos ao bar mais próximo?
Gostaria de lhe contar algumas histórias.
Atravessamos aquela enorme avenida,
poucos carros circulavam,
mas todos de um preto tão reluzente,
que nossos reflexos andavam por suas latarias.
Do outro lado,
no bar era um entra e sai imenso.
Loucos vagavam por ali,
poetas,
saltimbancos,
músicos,
toda espécie de gente.
Sentamos bem ao fundo,
bebemos,
conversamos muito.
Uma algazarra tremenda se fazia ali.
Muita música depois uma parada,
era a vez dos poetas loucos,
ou loucos poetas declamando seus absurdos poemas,
contra tudo e contra todos,
ali se respirava muita emoção.
E eu sentado diante de um dos maiores poetas norte-americanos,
ouvindo suas histórias,
era um tempo de verdades escritas.
E ele me falava todas aquelas coisas,
declamava seus poemas sublimes,
e eu ia tentando guardar o máximo que podia,
e fui aprendendo,
assimilando o melhor daquilo tudo.
Eu realmente estive com ele.
E foi naquele submundo,
cheio de fumaça esverdeada,
que ouvi de sua boca:
"Para onde Oh América
é que guias o teu
glorioso automóvel,
a que acidentes te inclinas".
Então percebi,
que meus pobres versos,
meus mais simples escritos,
em nada se aproximavam daquelas frases.
Eu pequeno poeta,
nunca saberia da grandiosidade dos doces poetas.
Eu nunca teria a sorte de me expressar de maneira tão grandiosa.
Suas palavras tinham a serenidade do mais distantes dos oceanos.
Naquela noite,
uma noite dos anos 40,
que nunca mais esqueci,
eu aprendi:
Nós crescemos a medida que abrimos mão de nossos egoísmos.
O mundo é maior do que pensamos,
e só estaremos preparados para a vida se nos despirmos de todo preconceito.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Caso tenha gostado do que encontrou aqui, comente o artigo que acabou de ler.

Passo a passo de como criar uma ONG