As melhores peças para seu carro podem ser encontradas aqui

Http://www.Motordoctor.PT

29 outubro 2010

Arte e Poesia - Menino de Rua

Me passaram essa poesia no Orkut. Um pausa para analizarmos nossa postura diante da vida e do infortúnio de nossos irmãos.

Menino de Rua

- Deixe aqui, quieto,
Às sobras das Marquises
Meu Sombrio e único teto...

-Não me perguntes do tempo
De tempo não sei nada
Vivo a vida vagando
De calçada em calçada...
-Sei de quem me aquece -o sol
Do banho refrescante -o vento
Da areia da praia -meu lençol

Não me perguntes quem sou,
mas se perguntares,
Eu diria que sou gene
Derivado do desamor...


Um comentário :

  1. ola amigo Victor
    intensa poesia
    q relata um pouco da realidade
    do mundim em q vivemos

    bjo grande

    ResponderExcluir

Caso tenha gostado do que encontrou aqui, comente o artigo que acabou de ler.

Passo a passo de como criar uma ONG