As melhores peças para seu carro podem ser encontradas aqui

Http://www.Motordoctor.PT

16 outubro 2009

Consultoria

Recebi esse email de Reinaldo C. Salgado:

Prezado Sr. Victor S. Gomez,
Segui as orientações de seu site de como fundar uma ONG, e Eu e uma equipe de profissionais de saúde estamos em fase de finalização, faltando apenas obter o CNPJ. Solicito que o Senhor, se possível, me esclareça, ou quem sabe me ajude, em como faço para conseguir parcerias e apoio para o funcionamento da nossa ONG! Como faço para pedir auxilio financeiro? o Senhor indica onde posso encontrar? A quem recorrer?
Agradeço sua atenção em ler meu e-mail.
Atenciosamente, Reinaldo C. Salgado.


Olá amigo Reinaldo
Existem várias empresas que lançam editais para projetos no final do ano. Outras empresas também abrem suas portas, para que dirigentes de ONGs, venham conversar com eles sobre seus projetos. Por experiência própria, eu já fui recebido por algumas empresas, para mostrar meu trabalho. Outras agem até como olheiros de futebol nas comunidades onde estão instaladas, procurando por projetos que possam ser interessantes e que se adequem com a proposta de empresa. Uma coisa é certa, as empresas gostam de ajudar projetos que já estejam em andamento, por isso é necessário que você comece a tentar pequenas parcerias em sua comunidade, para começar a movimentar seu projeto. Abaixo estou colocando um texto que publiquei em meu blog a algum tempo, sobre como encontrar parcerias:

"A busca por recursos é uma das coisas que mais preocupam os dirigentes de instituições. Conseguir boas parcerias, não depende somente de projetos bem redigidos e bem direcionados. Devo esclarecer primeiro, que várias ONGs sobrevivem sem amparo de grandes empresas. Existem várias formas de conseguir ajuda para dar continuidade ao trabalho de uma instituição. Nesse momento é que se vê como as pequenas parcerias e o apoio da comunidade, são fundamentais para dar prosseguimento ao trabalho realizado. Muitos pequenos comerciantes da região, onde está localizada sua ONG, devem estar interessados em ajudar, falta apenas uma boa conversa.

Ter um projeto já pronto, fundamentado em bases solidas, pode ser a melhor forma de conquistar apoio. Não espere que o dinheiro entre sem ter o que mostrar. Crie um projeto de incentivo a leitura, um grupo de dança, ou um projeto de complementação escolar. São exemplos simples, mas que dão resultado. Depois procure os comerciantes da área e convide-os para visitar sua instituição. É um bom começo. Outras formas de conseguir ajuda é organizar um bingo, um jantar dançante ou uma rifa. Várias idéias podem surgir, principalmente se você reunir o grupo que trabalha com você e discutir novas propostas. Podem ser feitos também projetos de geração de renda. Montar um projeto de um curso de artesanato pode ser uma boa idéia, pois mais adiante os produtos podem ser comercializados e a renda dividida entre os alunos e a instituição.

Mesmo as grandes empresas, quando apóiam uma instituição é por que já viram o trabalho da ONG já iniciado. Outras só aceitam inscrições de projetos, que já estejam em andamento e obtendo resultados. Por isso trabalhe e procure pessoas qualificadas, para redigir seu projeto. Tente encontrar entre os voluntários da sua instituição, aquele que tenha perfil para trabalhar como assessor de projetos. No CECI, eu trabalhava com mais uma pessoa, tínhamos um bom entrosamento e quando conversávamos com alguma empresa, o que um não sabia o outro complementava. Caso não consiga, tente encontrar no Portal do Voluntário, alguém que esteja mais familiarizado com essa área e queira ajudar.

Finalmente, se não achar ninguém, ainda existe a possibilidade de se conseguir parceria com pessoas trabalhem com Assessoria de Projetos. Procurar na internet pode ser outra opção, várias firmas ou particulares trabalham com assessoria; e melhor, já conhecem os caminhos."

Mas também existem outros caminhos. Conheço dirigentes de ONGs, que se associam a políticos para conseguir verbas. Não considero isso errado, se for feito de forma correta e honesta. Tentar contato com um Vereador, ou Deputado Federal, ou estadual, pode ser interessante, desde que a instituição não fique atrelada a esse ou aquele partido. Veja bem, você pode ter alguns cuidados, que poderão garantir que seu trabalho, não seja denegrido por qualquer atitude ilícita de qualquer pessoa. Entra em contato com um advogado de sua confiança e faça seu estatuto de forma que nenhuma falcatrua possa ser feita. Deixe ele bem amarrado para que tudo seja bem transparente, então somente os bons políticos é que se aproximarão de sua ONG.
Abraços, Victor S. Gomez

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Caso tenha gostado do que encontrou aqui, comente o artigo que acabou de ler.

Passo a passo de como criar uma ONG