As melhores peças para seu carro podem ser encontradas aqui

Http://www.Motordoctor.PT

15 fevereiro 2018

Como montar um Projeto Social

Texto: Evelyne Leandro

Por melhores que sejam as intenções de uma organização não governamental, suas idéias devem ser expostas em forma de projetos para que possam estar documentadas e estruturadas de forma a alcançar os resultados desejados com qualidade e eficiência, possibilitando a gestão das ações e dos recursos.

Projeto é algo que tem início e fim, que necessita de recursos específicos para o alcance de resultados específicos. No caso de projetos sociais, nascem para dar respostas aos problemas, são responsáveis por alterar a realidade da organização, estruturando-a e promovendo seu desenvolvimento. Eles também são utilizados para captação de recursos, pois, assim, os financiadores podem visualizar melhor as intenções da ONG, saber no que os recursos serão aplicados, que tipo de atividades serão realizadas e qual impacto elas surtirão dentro da comunidade-alvo.


Antes de iniciar o projeto, além da existência de um planejamento estratégico e/ou plano de captação, a organização deve ter claramente definida as necessidades e demandas que o projeto irá atender, quais os atores envolvidos (executores e beneficiados), os recursos necessários, a sua viabilidade (social e econômica) e objetivos que se deseja alcançar.A estrutura básica de um projeto é formada por:

Apresentação da organização: dados e histórico da entidade proponente, descrição dos projetos já realizados e/ou em andamento, lista de parceiros e apoiadores.
Resumo: feito depois do projeto finalizado. Deve conter as principais idéias.
Contextualização: análise da situação, histórico e situação sócio-econômica da comunidade-alvo. Utilização de dados estatísticos ou referenciais.
Justificativa: o porquê de o projeto existir e deve ser aprovado, o nível de importância do projeto.
Objetivos: geral e específicos; que estão ligados à justificativa e aos resultados desejados.
Descrição do Público-alvo: caracterização de quem será atendido pelo projeto direta e indiretamente. Quantidade direta e indireta de beneficiários.
Quadro de Metas: relacionadas aos objetivos específicos, são as ações e os resultados que definirão o impacto do projeto. Devem ser acompanhadas dos indicadores quantitativos e qualitativos.
Metodologia: como o projeto será executado, quais modelos ou tecnologias sociais serão utilizados. Como será monitorado e avaliado.
Equipe Executora: (quem) a equipe profissional responsável pela execução e acompanhamento do projeto e como essa equipe irá trabalhar.
Parceiros: quem apoiará o projeto ou apóia a instituição.
Cronograma de execução: ações dispostas em prazos.
Orçamento: deve ser objetivo e claro, de acordo à disponibilidade do financiador.
Anexos: relatórios, cartas de apoio, currículo dos profissionais e o que a organização achar necessário para reforçar o projeto.
Com essas informações estruturadas, o projeto está pronto para buscar parcerias, apoiadores, voluntários, recursos e ser iniciado com grandes chances de sucesso.

Fonte: https://evelyneleandro.wordpress.com/

07 fevereiro 2018

Como Escrever um Projeto Social

Escrever um Projeto social não é coisa simples, é preciso saber de várias coisas: Quais os objetivos que você quer alcançar, quais os problemas que  existem na comunidade, qual o problema social que o projeto pretende solucionar, qual o publico alvo a ser atingido e tantos ouros fatores. Por isso você precisa estar bem capacitado para tal. Existem cursos na internet que podem aumentar sua bagagem nessa área, mas não pense que um curso vai lhe ensinar tudo, você vai precisar estudar muito.

Curso de Projeto Social:

Além dos cursos você vai precisar visitar outros projetos para saber como eles chegaram até ali, e o que eles estão fazendo para se manter funcionando. Outra coisa importante, um projeto nunca se mantem de uma só fonte de renda, então você vai ter de buscar várias parcerias para mantê-lo. Nada é tão simples quanto parece, mas nada é impossível com persistência e perseverança. Lutando muito você chegará lá.


Roteiro de elaboração de projetos 
Apresentação
Descreva, sucintamente, os objetivos do projeto, as atividades previstas e os principais resultados quantitativos e qualitativos esperados.

Justificativa
Deve-se responder a questão: por que executar o projeto? Ressaltar os seguintes aspectos:
• o problema social que o projeto pretende solucionar ou equacionar;
• a relevância do projeto em relação aos beneficiários e sua influência sobre adolescentes e jovens;
• o impacto social previsto do projeto e as transformações positivas e duradouras esperadas;
• a área geográfica em que o projeto se insere; e
• as características demográficas, socioeconômicas, ambientais e culturais da população; e o estágio de organização e mobilização das comunidades.

Atividades Anteriores
Descreva, sucintamente, ações anteriores da Organização voltadas aos adolescentes e jovens, incluindo os principais resultados quantitativos e qualitativos obtidos. Pode-se descrever o próprio projeto em caso de sua ampliação, aperfeiçoamento e/ou replicação.

Objetivo Geral
Identifique os benefícios mais amplos que as ações do projeto deverão propiciar aos adolescentes e jovens, apontando os parâmetros cronológicos e de mensuração. Por exemplo: reduzir em 35% a morbimortalidade juvenil por causas externas, até dezembro de 2002.

Objetivos Específicos
Estes objetivos referem-se às etapas intermediárias que deverão ser cumpridas no curso do projeto. Portanto, devem estar necessariamente vinculados ao seu objetivo geral. Também devem ser específicos, viáveis, hierarquizados, mensuráveis e cronologicamente definidos. Preencha o quadro abaixo, descrevendo os objetivos específicos do projeto por ordem de importância (hierarquização); os resultados quantitativos e qualitativos esperados em cada objetivo (mensuração); as atividades que deverão ser implementadas para sua consecução; e os períodos de execução das atividades (cronologia).

Hierarquização
Enunciado do Objetivo
Resultados Esperados Metas
Atividades Principais
Períodos

Metodologia Empregada
Descreva a maneira como as atividades serão implementadas, incluindo os principais procedimentos, as técnicas e instrumentos a serem empregados. Destaque outros aspectos metodológicos importantes, como a forma de atração dos públicos beneficiários; locais de abordagem desses grupos ou de execução das ações; meios a serem utilizados na divulgação dos serviços; natureza e função dos agentes multiplicadores; e mecanismos de participação comunitária.

Avaliação Processual
Esta modalidade de avaliação refere-se à forma como o projeto se desenvolve e à eficiência dos métodos e procedimentos empregados, de modo a fazer mais com menos. Para cada atividade principal, identifique os indicadores quantitativos e qua-litativos de progresso e, ainda, os meios de verificação das informações, ou seja: onde, quando e como as informações serão coletadas e analisadas.

Nº de Atividades
Indicadores do Progresso
Meios de Verificação

Avaliação de Resultados
Esta modalidade refere-se à eficácia dos métodos e procedimentos utilizados e denota as transformações sociais geradas pelas atividades. Para cada objetivo específico, identifique os indicadores quantitativos e qualitativos dos resultados esperados, assim como os meios de verificação.

Nº do Objetivo
Indicadores de Resultados
Meios de Verificação

Avaliação de Impacto
Esta modalidade de avaliação refere-se à continuidade das transformações decorrentes das ações implementadas, ou seja, à sua efetividade. Para cada objetivo específico, identifique os indicadores quantitativos e qualitativos de impacto, assim como os meios de verificação.

Nº do Objetivo
Indicadores de Impacto
Meios de Verificação

Parcerias e Alianças
Identifique as principais parcerias ou alianças estabelecidas para a execução do projeto, incluindo os parceiros-executores, as instituições de apoio técnico, material e/ou financeiro, organizações de referência, consultorias, etc., especificando as funções de cada uma delas.

Organização
Principais Funções no Projeto

Orçamento do Projeto
Considerando as principais atividades estabelecidas em cada objetivo específico, indique o valor do investimento solicitado ao programa, assim como a contrapartida da organização e os recursos provenientes de outras fontes (se for o caso). Como contrapartida, poderão ser computados os valores estimados das instalações, materiais e equipamentos da organização, cedidos ou utilizados na implementação do projeto, assim como o valor das horas de trabalho da equipe técnica, desde que esses itens não estejam incluídos no investimento solicitado ao programa.

Nº do Objetivo
Total

Investimento Solicitado
Total

Contrapartida da Organização
Total

Outras Fontes
Total

Total

Equipe Técnica
Relacione a equipe técnica principal do projeto, incluindo a formação profissional (médico, assistente social, psicólogo, etc.), a função ou cargo (diretor, coordenador, educador, pesquisador, etc.) e o tempo que cada profissional dedica ao projeto, em número de horas semanais.

Nome
Formação
Função no Projeto
Horas Semanais

Comunicação do Projeto
Este módulo refere-se às formas e meios pelos quais o projeto dará conhecimento de suas ações aos parceiros e aliados, líderes e formadores de opinião do Terceiro Setor, autoridades governamentais, público interno e sociedade em geral. Destaque as estratégias e materiais a serem utilizados com esse objetivo, assim como os mecanismos de vinculação do projeto ao programa Petrobras Social. Não confundir com a promoção de serviços junto aos beneficiários do projeto.

Cronograma de Atividades
O cronograma é a distribuição, no tempo, das principais atividades previstas. Constitui um instrumento essencial de gestão e, por isso, deve ser elaborado com critério. Relacione as principais atividades do projeto, indicando os prazos de início e conclusão de cada etapa. Considerando o prazo de vigência do contrato de parceria (12 meses), use o mês como unidade do cronograma.

01 fevereiro 2018

Chamada Pública de Ocupação Artística em Saquarema

Meu interesse aqui é ajudar e divulgar o máximo possível editais e projetos que venham a somar. Tudo que for possível divulgar eu farei. Busco editais e exemplos de projetos para aqueles que vem tentando transformar a vida das pessoas, através de seus trabalhos, mas não encontram ajuda. Tenho um trabalho aqui no meu Blog há mais de 10 anos, informando e divulgando tudo que posso, desde projetos sociais, criação de ongs e editais. Ali em cima tem os links que vocês precisam para fundar uma ONG, caso precisem de mais informações entrem em contato comigo pelo meu email: victorsgomez@gmail.com

Não deixem de visitar o site da Editora Patuá onde vocês encontrarão a minha página, referente ao meu livro "Universo Interior". Comprando meu livro vocês estarão ajudando a manter meu Blog no ar. 

Chamada Pública de Ocupação Artística em Saquarema
Para quem tem um bom trabalho cultural e artístico em Saquarema ou imediações, se prepare, a Prefeitura de Saquarema, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, divulga Chamada Pública de Ocupação Artística e Cultural do Teatro Mário Lago, Casa de Cultura Walmir Ayala e da Salarte do Teatro Mário Lago. Os artistas selecionados terão a oportunidade de ter seus trabalhos reconhecidos pelo município, através de exposições.

As inscrições são direcionadas às pessoas físicas ou jurídicas, estabelecidas em qualquer parte do Brasil ou do mundo, com o objetivo de colaborar coma política de transparência e democratização do acesso dos artistas e produtores aos projetos de manifestações de artes plásticas e visuais.

Obs.: AS PROPOSTAS SELECIONADAS NÃO RECEBERÃO QUAISQUER AJUDAS FINANCEIRAS POR PARTE DO MUNICÍPIO.

Os artistas interessados devem enviar a proposta para o email: teatromunicipalmariolago@hotmail.com

Inscrições: 15/01/2018 a 15/02/2018

Avaliação: ATÉ 24/02/2018

Resultados: ATÉ 28/02/2018

Passo a passo de como criar uma ONG

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *